Danny estava na Metade apenas uma semana quando um acidente com o ônibus da banda a vitimou

A noite deveria ser especial. Era o fim de semana de estreia, da consagração do sucesso da cantora Danny, de 24 anos, que tinha acabado de deixar a Mega Star para assumir o posto de nova vocalista da banda de brega mais estourada em 2004: a Metade. Mas os momentos de alegria duraram pouco tempo. Uma tragédia acabava com o sonho de Danny e deixava marcas profundas na história do brega do Recife. Foi exatos há quase 14 anos atrás.
O acidente com o ônibus da banda Metade resultou em dois mortos e mais de 20 feridos. Na tragédia morreram a vocalista Ivanira Melo de Souza, a Danny, e o irmão do empresário e também dono da banda, Usiel Barbosa de Moura, o Birutinha, na época com 34 anos. Os 23 integrantes da banda deixavam a cidade de Machados, no ônibus do grupo, com destino a capital pernambucana para mais duas apresentações. Mas por volta da 1h da madrugada, o veículo saiu da rodovia estadual PE-89, capotou e caiu em uma ribanceira de quase 100 metros de altura. Chovia muito no dia.

Os integrantes disseram que ouviram o motorista José Martins da Silva gritar que o carro estava sem freio. Danny teve as pernas dilaceradas e Birutinha apresentava esmagamento no tórax e na face. Outras 21 pessoas ficaram feridas e foram levadas para o Hospital Edison Alvares, em Machados. Cinco em estado grave foram socorridos para o Hospital da Restauração, os outros 16 componentes foram medicados e receberam alta médica.

Era o segundo dia de Danny na banda Metade. O sucesso foi meteórico. Revelada na Mega Star, a cantora logo conquistou o público pela beleza, pela voz e principalmente pelo jeito irreverente, pelo carisma. Danny foi convidada pelos empresários da Metade a substituir a cantora Michele Mello, que estava seguindo carreira solo. A primeira e última apresentação de Danny em TV à frente da Metade foi no programa Tribuna Show, na TV Tribuna.

Fazia apenas uma semana que Michelle Melo tinha deixado a banda para seguir carreira solo. Ela ficou traumatizada, acredita que foi um livramento. “Quando eu soube do acidente, foi um choque. Muita gente inclusive pensava que tinha sido eu a vocalista da banda Metade que havia morrido. E só não foi por pouco realmente. Pelo que me contaram, Danny fez na viagem tudo exatamente como eu fazia. Ficou na frente, ao lado do motorista, para poupar a voz do forte ar condicionado. Sentou onde eu sentava. Se eu tivesse lá, com certeza, teria sido a vítima”, explicou Michelle.
Participe Da Nossa Comunidade
Blog Dos Bregueiros © Design BY : Don Diego
Copyright 2018 - Todos Os Direitos Reservados